Dietas

Dieta Cromática Para Emagrecer – Como Funciona e Cardápio

Conheça a dieta cromática indicada pela nutróloga Ana Luisa Vilela para emagrecer de forma saudável e tenha como perder peso facilmente. Confira como funciona e o cardápio completo.

É comum escutar de muitos especialistas que quanto mais colorido o prato, melhor e mais nutritivo ele será, sendo assim quando essa técnica foi colocada em prática surgiu a dieta cromática e ela serve para emagrecer. Em nosso blog disponibilizamos esse plano alimentar apresentado pela nutróloga Ana Luisa Vilela que é uma base para quem deseja manter a saúde em dia e ainda perder alguns quilos. Conheça como cada alimento pode contribuir para a perda de peso por meio desse novo método indicado pela doutora. A dieta pode ser seguida por qualquer pessoa pois é muito fácil, porém é importante ter o acompanhamento de um nutricionista com o intuito de acelerar ainda mais os resultados. Se informe aqui como funciona e confira o cardápio completo.

Como Funciona a Dieta Cromática Para Emagrecer

A dieta cromática é dividida em seis grupos de alimentos com seis cores diferentes. Quem segue esse plano alimentar deve ingerir alimentos de cinco cores distintas ao dia. Os vermelhos representam alimentos ricos em vitamina C e antioxidantes, os amarelos e laranjas promovem a síntese do colágeno da pele, beneficiam ainda os cabelos e a visão. Os verdes garantem energia, são ricos em nutrientes e antioxidantes, já os roxos fazem a manutenção do sistema nervoso, dos músculos, do coração e transformam os carboidratos em energia. Os brancos por sua vez, apresentam uma grande quantidade de minerais para fortalecer os ossos e dentes e os marrons controlam a diabetes, regulam o funcionamento do intestino e auxiliam no controle do colesterol.

Cardápio da Dieta Cromática Para Emagrecer

Apresentamos a seguir exemplos de alimentos para quem deseja montar um cardápio.

Vermelhos: caqui, cereja, framboesa, goiaba, melancia, morango, nectarina, pitanga, romã e tomate, além da beterraba e do pimentão vermelho.

Amarelos e laranjas: abacaxi, manga, maracujá, melão, milho, abóbora, ameixa, caju, carambola, damasco, cenoura, laranja, mamão, pimentão amarelo e tangerina.

Verdes: folhas verdes como acelga, alface, repolho, salsa, agrião, chicória, couve, espinafre, rúcula, escarola e manjericão, além de abacate, abobrinha, quiabo, pimentão verde, brócolis, vagem, kiwi, ervilha, limão e pepino.

Roxos: alcachofra, ameixa, amora, berinjela, feijão-preto, figo, jabuticaba, uva e repolho roxo.

Brancos: alho, banana, batata, cebola, couve-flor, feijão branco, maçã, pera, palmito, chuchu, cogumelo, mandioca, nabo e rabanete.

Marrons: cereais integrais e as sementes oleaginosas.

Consiga reduzir medidas conhecendo cada uma das propriedades dos alimentos antes de inserir no cardápio e não esqueça de sempre que necessário buscar o auxílio de um nutricionista.

Esperamos que tenham gostado e não deixem de comentar. Agradecemos sua visita e até logo…

Autoria: Dayane

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.